Jovens cooperativistas: quem são? Onde vivem? O que pensam?

Data: 31/01/2020

O Sescoop/RS, em parceria com a ComTexto, buscando entender melhor o contexto jovem no mundo cooperativista, reuniu mais de 400 jovens em uma pesquisa inédita. Através dela, buscamos entender os jovens trabalhadores ou associados do cooperativismo e sua relação com esse sistema.

O estudo reuniu 54 pessoas de Porto Alegre e região Metropolitana e 347 pessoas do interior do Estado. Todas trabalham ou são associadas em alguma cooperativa e têm entre 16 a 34 anos.

Lazer e Informação

Redes sociais, sites e blogs informativos são as principais fontes de lazer e informação. Logo em seguida veio a TV.

E os conteúdos preferidos dos entrevistados foram assuntos acadêmicos de suas áreas, tecnologia e inovação, e cultura e entretenimento.

Planos para o Futuro

Sobre planos para os próximos cinco anos, o pessoal respondeu que adoraria viajar e conhecer o mundo, ajudar os outros a mudarem suas realidades de vida e ver o Brasil um país mais justo.

Além de quererem fazer a diferença, os jovens estão otimistas dentro do cooperativismo: mesmo em tempos de crise e alta do desemprego, 73,1% dos pesquisados acreditam que estarão “em uma situação ou posição mais importante ou de maior responsabilidade” nos próximos cinco anos em suas carreiras.

Carreira

A maioria se formou em ou está cursando cursos relacionados à administração e gestão – e a galera normalmente estuda e trabalha simultaneamente.

71,1% dos respondentes afirmaram que já realizaram cursos de capacitação, concentrados em três principais áreas de atuação: Agro, Saúde e Crédito.

Jovem + Cooperativismo

Quanto à relação dos jovens com o cooperativismo, essa geração é bastante engajada e indica apreciar o comprometimento que as cooperativas têm com os associados e com a sociedade, bem como o próprio modelo cooperativista.

Além disso, 86,3% dos respondentes acham que suas cooperativas incentivam o desenvolvimento pessoal e a capacitação. E 72,1% têm como ideia construir carreira em uma cooperativa. Isso explica por que 76% deles demonstram estar satisfeitos com seus salários.

Além disso, dedicação e lealdade são palavras que descrevem bem a relação dos jovens com o cooperativismo. Com cerca de 65% deles afirmando “vestir a camisa” de suas cooperativas e, ao mesmo tempo, dizendo que recomendam para amigos e/ou familiares que façam parte de uma cooperativa.

Visão: como comunicar?

Mesmo com um pensamento positivo a respeito do cooperativismo, muitos respondentes ainda percebem a forma de transmissão de informações a respeito do modelo como ineficaz quando se trata de atingir outros jovens. Para eles, o mercado tradicional se comunica de forma mais atrativa, o que faz com que menos pessoas conheçam o cooperativismo.

Satisfação

Em geral, os pesquisados se sentem acolhidos por suas cooperativas e acreditam que o ambiente em que estão agora é mais saudável do que outros espaços de trabalho em que já estiveram.

Por causa dessas considerações, 69,3% dos jovens indicaram que estão satisfeitos ou totalmente satisfeitos em termos profissionais. Dê uma olhada:

Nós ficamos muito satisfeitos em conseguir entender melhor essa geração, afinal, são eles que farão a diferença no cooperativismo

Fonte: Sescoop/RS






Endereço

Cooperativa de Distribuição e Geração de Energia das Missões
Matriz - Av. Santa Lúcia 1176
Bairro Centro - Caibaté - RS
CEP: 97930-000

Contatos

Comercial:
(55) 3355 - 3000
Atendimento:
0800 - 541 1122

Copyright © 2020 CERMISSÕES - Todos os direitos reservados