Cermissões - Ultimas Notícias

CERMISSÕES – 54 ANOS

CERMISSÕES

A história registra que a Cooperativa de Distribuição e Geração de Energia das Missões, - CERMISSÕES, foi fundada há 5 décadas, por 51 pessoas, que se uniram com o propósito de simplesmente deixar de lado o lampião a querosene, a luz do “candeeiro”, e ter, mesmo que por poucas horas noturnas, luz e água encanada em suas casas.

 

            A realização deste sonho, de forma individual, certamente traria obstáculos e custos intransponíveis, motivo pelo qual, decidiram fundar uma Cooperativa, que já nos idos dos anos 60, eram propulsoras de desenvolvimento em muitas áreas. A “Cooperativa de Luz”, no entanto, era uma novidade, não só no povoado Santa Lúcia, então distrito de São Luiz Gonzaga, hoje, município de Caibaté, mas como na região e Estado.

 

            Nos primeiros anos, a energia era gerada por um simplório motor a diesel acoplado a um gerador, suficiente para gerar energia aos associados por 3 horas diárias e eles achavam que já “ERA BOM”. Com o passar dos anos, a CERMISSÕES foi agregando desenvolvimento, adquirindo a energia elétrica da CEEE e distribuindo-a a seus associados em sistema de rede própria.

            Ao final da década de 60 inicio da década de 70, com a Ascenção do Estatuto da Terra o Governo Federal através do INCRA passou a incentivar a distribuição de Energia Elétrica em regiões onde a CEEE não tinha condições de atender, para que esse serviço fosse realizado por Cooperativas de Eletrificação Rural.

Foi em 1969 que a pequena Cooperativa de Eletrificação Rural Caibaté Ltda, interligou suas poucas redes com as da Companhia Estadual de Energia Elétrica – CEEE via Cerro Largo e passou a receber energia da Usina do Salto Pirapó, onde hoje está construída a Usina Passo São João no município de Roque Gonzáles. A partir de então começa o processo de Regionalização da CERMISSÕES, uma das primeiras coisas foi a convocação de uma Assembleia Geral Extraordinária com o objetivo de alterar o nome, passando a denominar-se: Cooperativa Regional de Eletrificação Rural das Missões Ltda.

            A administração da época iniciou  então o trabalho de convencimento dos municípios vizinhos para que se integrassem a Pequena Cooperativa de Luz com sede em Caibaté e que tinha interesse em levar energia para municípios com suas sedes municipais bem maiores.

Na época existia várias pequenas Associações que com auxílio de geradores a diesel abasteciam com energia os seus filiados, como exemplo: Bossoroca possuía sua Associação com o objetivo de fornecer energia; Santo Antônio das Missões também tinha a sua Associação da Luz; o município de Bossoroca também tinha a seu Grupo da Luz; a localidade do Rincão Vermelho no município de Roque Gonzáles  possuía a sua organização com o objetivo de ter luz em seus lares. Embora com uma certa resistência todas esses pequenos grupos organizados vieram a se filiar a CERMISSÕES de Caibaté que já possuía a sua Cooperativa Registrada.

           

Aos 54 anos de fundação, a CERMISSÕES comemora não só a filiação de mais de 27.779 FAMÍLIAS COOPERADAS, mas também a extensão em redes de distribuição de 6.144 quilômetros, com 6.048 transformadores instalados e 61.713 postes instalados em sua malha elétrica. A Cooperativa conta atualmente com 199 funcionários, sendo que entre eles possui 04 Portadores de Necessidades Especiais  e 11 Jovens Aprendizes, beneficiando 138.895 pessoas com seus serviços.  

 

            Grandes realizações podem ser destacadas no decorrer destes 54 anos de existência da CERMISSÕES, até o ano de 1986 ela teve um crescimento normal, porém passou por uma crise administrativa, levando a Cooperativa a Intervenção Federal, que inclusive destituiu de seus cargos toda a administração da época. Em 30 de janeiro de 1987 o Interventor Federal convocou o Quadro Social para eleger a primeira administração pós intervenção, foi quando assumiu o atual presidente Diamantino Marques dos Santos, enfrentando muitas dificuldades nos primeiros anos devido ao estado falimentar em que se encontrava a CERMISSÕES. Muitas vezes foi necessário buscar o apoio das Administrações Municipais através da cedência de veículos para transportar material e funcionários para conseguir reconstruir as redes elétricas.

Hoje decorridos 28 anos de Administração do Presidente Diamantino Marques dos Santos, no dia 07 de fevereiro de 2015, onde 8.611 Associados participaram da eleição o reelegendo pela nona vez consecutiva ao cargo de Presidente, com uma diferença de 4.177 votos em relação a chapa de oposição. O Presidente Diamantino nesse tempo de mandato além de organizar a Cooperativa, reconquistou a credibilidade perdida pela entidade e levou a CERMISSÕES a ocupar lugar destaque entre as Cooperativas que mais crescem e melhor atendem aos seus Associados.

Nesses 28 anos de administração o Presidente Diamantino realizou várias obras em benefício da Família Social: Em agosto de 1988 colocou em operação da Fábrica de Postes de Concreto, hoje já são mais de 62.000 postes de concreto implantado nas redes, faltando apenas 1.435 postes de madeira para ser substituídos; no ano de 2000 inaugurou a Usina do Rio Ijuizinho localizada no município de Entre Ijuis; em 2007 inaugurou a Usina Piccoli no Rio Comandai, município de Santo Ângelo, juntas as duas Usinas são responsáveis pela geração de 25% do total da energia distribuída; em 2013 foi iniciada a construção da primeira Subestação Rebaixadora de Energia própria da CERMISSÕES, com potência de 12,5 MW, garantindo energia para 54,41 % das Famílias Associadas, a Subestação São Miguel Arcanjo, localizada a margem da RS 536 no Rincão dos Castanhos, município de São Miguel das Missões, teve um investimento total superior a R$ 9,4 milhões e foi construída com recursos próprios da Cooperativa, o Ato Inaugural aconteceu dia 08 de novembro de 2014, concretizando mais um grande sonho não só da Administração, mas principalmente da Família Social.

Visando o enquadramento como Permissionária, em março de 2008 foi realizado uma reforma Estatutária, onde a nomenclatura da entidade passou a ser a seguinte: Cooperativa de Distribuição e Geração de Energia das MissõesCERMISSÕES. Já em 22 de março de 2010 a diretoria assinou o Contrato de Permissionária do Serviço Publico de Distribuição de Energia Elétrica, passando a ser regulada e fiscalizada pela Agência Nacional de Energia Elétrica – ANEEL. Desde então a Cooperativa é fiscalizada pela ANEEL, que passou a determinar inclusive as tarifas de energia a serem praticadas pela CERMISSÕES com seus Associados.

Em 2014 a CERMISSÕES sagrou-se vencedora do Prêmio IASC – Prêmio Índice ANEEL de Satisfação do Consumidor, a CERMISSÕES na pesquisa realizada pela ANEEL alcançou 91,27 Pontos, a maior nota da história do Prêmio criado pela Agência Nacional de Energia Elétrica no ano de 2000. Conquistando o troféu de: “MELHOR DISTRIBUIDORA DE ENERGIA DO BRASIL 2014/2015” vencendo as 101 Distribuidoras do País, entre elas gigantes como a ELETROBRÁS Distribuidora e todas as demais que fazem parte do Setor Elétrico Brasileiro.

 

CERMISSÕES “A LUZ DAS MISSÕES”, FUNDADA EM 18 DE FEVEREIRO DE 1961 - 54 ANOS GERANDO E DISTRIBUINDO ENERGIA, DESENVOLVIMENTO E QUALIDADE DE VIDA PARA O POVO MISSIONEIRO.

 

 

 

 

 

Untitled Document


EDITAL

    Edital 05 2017











Telefones

0800 541 1122
55 3355 3000
Av. Santa Lúcia,1176
Centro, Caibaté - RS
CEP 97930-000


Localização




Mapa
Notícias
Documentos
Institucional
Comercial
Contato
Intranet
 
Normas Técnicas
Atendimento 24 horas
Central de Notícias
Interrupção Programada
Perguntas Frequentes
Administração e Conselheiros