CERMISSÕES
Carregando ...

CERMISSÕES INVESTIRÁ MAIS DE 5 MILHÕES DE REAIS NA AMPLIAÇÃO DA SUBESTAÇÃO SANTO ANTÔNIO

Data: 06/06/2024

Em dois anos, 12 milhões de reais serão investidos na Subestação.

Devido ao aumento do consumo de energia por parte dos associados e clientes atendidos pela Subestação Santo Antônio em São Luiz Gonzaga e nos municípios vizinhos de Bossoroca, Santo Antônio das Missões, Rolador, Caibaté, São Miguel das Missões e São Luiz Gonzaga, a Cermissões iniciou esta semana uma nova fase de ampliação da capacidade de fornecimento de energia.

Em 2022, a capacidade de fornecimento de energia da subestação foi dobrada, passando de 25 para 50 MVA (megavolt-ampere), com a instalação de dois novos transformadores, representando um investimento superior a 7 milhões de reais.

Diante da demanda contínua por novas ligações, principalmente para atender aos irrigantes, o Presidente Diamantino Marques dos Santos, junto com a direção e equipes técnicas, iniciou tratativas no final de 2023 para reinstalar um transformador de 12,5 MVA, que estava em funcionamento até 2022.

O Engenheiro Eletricista Eluir Hoffmann explicou que, além da infraestrutura civil básica e dos pórticos para instalação dos equipamentos, será necessário ampliar três alimentadores de distribuição e instalar novos módulos e sistemas de comando. Esses investimentos, somados às necessárias ampliações das redes, resultarão em um investimento superior a 5 milhões de reais. Eluir destacou que, além da instalação do transformador, é fundamental ter redes com capacidade para garantir que a energia chegue aos associados, elevando os custos para distribuir energia com qualidade a todos.

CAPACIDADE TOTAL SERÁ DE 62,5 MVA

Com os três transformadores em operação, a Subestação alcançará uma capacidade total de 62,5 MVA de fornecimento de energia, correspondente à capacidade da linha de 69 kV que abastece a subestação.

Durante o verão 2023/2024, foram registrados picos de consumo próximos de 40 MVA na Subestação em São Luiz Gonzaga, mesmo em um período chuvoso, quando a utilização dos sistemas de irrigação foi menor. Prevê-se que esses picos de consumo ultrapassem os 50 MVA neste verão 2024/2025, dependendo das condições climáticas. Diamantino ressaltou a importância de estar preparado para evitar desabastecimentos aos associados, que confiam na cooperativa ao realizar grandes investimentos.

DIOMEDES ACOMPANHOU INÍCIO DOS TRABALHOS

O Vice-Presidente Diomedes Rech, que acompanhou o início deste novo projeto de ampliação, lembrou que, em 2017, foi incumbido pelo Presidente Diamantino, junto com Eluir e o Assessor Jurídico José Henrique Zborowski, de realizar o primeiro levantamento para fins de indenizações para a construção da subestação, energizada em julho de 2018, e inaugurada em novembro do mesmo ano. Em 2022, foi necessário dobrar sua capacidade de 25 para 50MVA, e agora em 2024 uma nova ampliação para chegar nos 62,5 MVA.

Diomedes enfatizou o compromisso da Cermissões em garantir o fornecimento de energia aos associados, independentemente do setor, destacando a importância de uma cooperativa financeiramente sólida e focada em seus objetivos principais.

Cermissões, a Luz das Missões!  

Vanes Davi Della Flora
Assessor de Comunicação

Data: 24/07/2024  
DIREÇÃO DA CERMISSÕES É CONVIDADA PARA 18ª FESTA DO PORCO NO ROLETE
Saiba mais

Data: 24/07/2024  
PESQUISA DE SATISFAÇÃO DO SEGUNDO TRIMESTRE DE 2024 PELA CERMISSÕES
Saiba mais

Data: 23/07/2024  
CERMISSÕES AUXÍLIA EM PRINCÍPIO DE INCÊNDIO EM RESIDÊNCIA EM CAIBATÉ
Saiba mais